sábado, 10 de janeiro de 2009

"A MINHA MUSA"

Musa! Deusa que preside a minha arte
fazendo brotar energia em minha mão
pois, por ela, precisas manifestar-te
iluminando, em mim, a luz da inspiração.

Minha Musa! És o Sol do meu escrito
a Lua imaculada, quando finda o dia
para tornar o meu poema mais bonito
vens dotá-lo de melódica poesia.

Sem você Musa, que poeta eu seria
se é de você que vem todo meu calor
minha mão seria inerte e fria
e meu coração gelado,...sem amor.

Musa! Você é meu amor, meu tudo
e depois de tudo, ainda continua sendo
a energia mágica que sobretudo
mantém a minha alma escrevendo.

Musa! É você que escreve, eu obedeço
você me inspira, me fornece a calma
a sensibilidade de que careço
Você é o amor que me adoça a alma!

RUI - Jan/2009

Um comentário:

vadinho disse...

Estava dando uma olhada nas suas poesias, esta me chamou a atenção porque eu também tenho uns versos que fala de uma certa Musa! Minha Deusa rsrsrs.......vou por no meu blog, aí você faz um comentário.
Quanto a sua, tá linda.
Parabéns.